Interreg Sudoe - Programa Interreg Sudoe

Atualidade Sudoe

ÁGUA: Sudoe soma-se à proteção dos recursos hídricos

No passado dia 22 de março celebramos o Dia Internacional da Água, apoiando a campanha “Leaving no one behind”, promovida pela Organização das Nações Unidas. A água é fundamental para a vida humana, animal e vegetal. Constitui um recurso económico vital com um papel fundamental na regulação do ciclo climático. Assim, a proteção dos recursos hídricos e a garantia de uma água segura para a saúde constituem dois pilares fundamentais na proteção ambiental europeia. Estas questões não entendem de fronteiras e portanto, requerem uma ação multi nível.

A União Europeia conta assim com uma Diretiva Quadro da Água para a sua proteção com base a diversas questões como a governança, os contaminantes químicos, as inundações, etc. Também garante assim as ligações com outras medidas legislativas europeias como a estratégia marítima ou a legislação sobre água consumível. Em 2001, a Comissão lançou uma estratégia para a implementação desta Diretiva e da Diretiva sobre inundações que reúne a peritos nacionais, setoriais e institucionais. Para acelerar esse desenvolvimento, a Comissão estuda a questão da água noutras políticas e mecanismos de financiamento europeus, em cooperação com os demais Estados-Membros. Entre outras coisas, foi realizada uma análise dos Programas Operacionais e de desenvolvimento rural do período de programação 2014-2020 para estudar a sua contribuição à Política Europeia da Água. Por outro lado, ainda que se considere que se conta com suficientes recursos hídricos, a Europa vê-se afetada pelas secas e pela falta de água, principalmente no sul, pelo que a UE trabalha para assegurar uma água de qualidade e em quantidade suficiente para todos os seus cidadãos. Outro campo de ação europeia é a gestão das inundações. Solicita-se aos Estados-Membros a realização de uma análise preliminar dos riscos de inundação para identificá-los e tomar medidas de prevenção baseadas nos mapas e planos de gestão de riscos. Além disso, a Comissão Europeia lançou um consórcio sobre inovação no setor da água com o objetivo de apoiar o desenvolvimento de soluções inovadoras relacionadas com os desafios e criação de oportunidades no mercado. Esta iniciativa junta todas as partes interessadas do setor para identificar as áreas de ação prioritárias, as barreiras à inovação e propor soluções para romper ditas barreiras.

A água constitui uma das prioridades a curto e longo prazo do território Sudoe. Assim, o Programa Interreg Sudoe financia projetos para assegurar uma boa gestão dos recursos hídricos e lutar contra a sua escassez. Entre eles:

  • Aguamod reforça a cooperação dos gestores e usuários dos recursos hídricos do território SUDOE através do desenvolvimento e aplicação de metodologias conjuntas. Partindo da procura de água da sociedade e da procura ecológica dos rios, fornece uma análise dos recursos nos períodos de estiagem e seca e oferece uma plataforma, co construída por todos os atores da água, para a gestão integrada dos recursos hídricos durante esses períodos. O projeto também oferece uma avaliação social e económica dos recursos hídricos e uma análise da qualidade da governança da água; além da consideração de distintos cenários de alteração climática, junto com as simulações fornecidas pelos modelos que permitem antecipar necessidades futuras de água desde um ponto de vista social e ambiental. + info.
  • Innovec’Eau é um projeto que permite a gestão de resíduos farmacêuticos na água residual dos lares de idosos. Oferece análise de riscos, tratamentos, protótipos, sensores e metodologias para a analise farmacêutica. Existindo milhares de fármacos, o projeto enfoca-se nos mais usados no território Sudoe baseando-se em estudos de concentração e toxicidade. + info
  • 4KET4REUSE desenvolve tecnologias inovadoras para eliminar os contaminantes emergentes de águas residuais e assim garantir a sua utilização sem riscos. O projeto oferece a validação de quatro tecnologias facilitadoras para a eliminação de contaminantes emergentes em estações depuradoras e a sua promoção no mercado do espaço SUDOE, quebrando as barreiras entre a investigação académica e o setor da água, e promovendo a criação de emprego. + info
  • Tritium controla as emissões radioativas das centrais nucleares. Oferece um sistema único no mundo que permite medir o trítio gerado pelas centrais na água e que afetam à potabilidade das águas. Este isótopo radioativo demora quatro dias em ser detectado na água, mas graças a Tritium, agora pode-se medir no momento e in situ, garantindo assim uma água saudável aos cidadãos. + info
  • TWIST trata a gestão da água e da inovação no setor. O projeto desenvolve instrumentos para promover a investigação e inovação no setor da água conjuntamente com todos os atores da água. Lança os primeiros Living Labs exclusivos ao setor da água. Entre os seus resultados, TWIST oferece uma estratégia para a gestão da água com base na procura do setor e um mapa dos principais atores chave, metodologias para a criação de living labs, um market place e escolas internacionais de negócio enfocadas à água. + infos